9 CAVERNAS INCRÍVEIS QUE NÃO PARECEM SER DESTE MUNDO

Pra quem busca uma boa aventura e contato com a natureza, essas cavernas pelo mundo são as melhores opções! Confira tudo sobre estes espetáculos!

Son Doong, no Vietnã

Cavernas

Considerada a maior caverna do mundo, ela foi descoberta somente em 1991, por um fazendeiro que habitava a região. Sua extensão é de 140 quilômetros e, em certo trecho, ela possui espaço suficiente para abrigar um edifício de 40 andares. Em seu interior, existem espécies vegetais e animais que só são encontradas ali.

Minas de Naica, no México

Cavernas

Encantadora, porém hostil: não existe definição mais apropriada para esta curiosa formação localizada no norte do México. Como a umidade relativa do ar no lugar é de 100%, respirar sem o auxílio de equipamentos poderia provocar tonturas, desmaios e outras sequelas ao organismo. Seus cristais de selenita são considerados os maiores do planeta e estão encravados a mais de 300 metros abaixo do solo. As partes que ficam acima da superfície possuem até 11 metros de altura e 4 metros de diâmetro.

Caverna de gelo perto vulcão Mutnovsky, na Rússia

Cavernas

Esta impressionante caverna fica localizada em uma das regiões mais inóspitas da Terra, o extremo leste da Rússia. Sua formação é decorrente da liberação de calor e gases do vulcão Mutnovsky, cuja última erupção foi registrada há 16 anos.

Cavernas Batu, na Malásia

De todas as cavernas que você viu até agora, somente nas Batu é permitida a circulação de visitantes. Trata-se de um conjunto de inúmeras cavernas, sendo que na principal delas, conhecida como Catedral, fica uma imponente estátua do deus hindu Murugan, a qual atrai inúmeros visitantes todos os anos. Rica em calcário, a formação abriga pedras com mais de 400 milhões de anos de idade geológica.

Caverna do Diabo, em Eldorado (SP)

Cavernas

Na região do Vale do Ribeira, no sul do estado de São Paulo, fica a Caverna do Diabo, uma formação com mais de 500 milhões de anos que possui 8 quilômetros de extensão — mas apenas 500 metros abertos à visitação. Seu nome se deve ao fato de os desenhos das rochas formarem uma face que supostamente seria do diabo.

Antelope Canyon, nos Estados Unidos

Cavernas

No estado do Arizona, durante milhares de anos, a ação dos ventos e da água esculpiu uma verdadeira obra de arte no relevo. Assim como o Grand Canyon, esse é um dos lugares mais visitados do estado norte-americano.

Gruta de Benagil, em Portugal

Cavernas

Na terrinha, mais especificamente na região do Algarve, fica uma das mais incríveis grutas existentes na Terra. Acessível apenas através da água, ela é uma das muitas formações à beira-mar localizadas nessa região do país.

Caverna Tham Lod, na Tailândia

Cavernas

Ao norte da Tailândia, fica uma belíssima caverna por onde flui o curso do rio Nam Lang. Em seu interior, inúmeras estalactites e estalagmites compõem um visual de tirar o fôlego, e diversas aves do oceano Pacífico, que se adaptaram à vida nas cavernas, passam ali boa parte de suas vidas.

Caverna glacial de Vatnajokull, na Islândia

Cavernas

Esta caverna está situada na geleira Vatnajokull, a maior da Europa, e sua formação decorre do derretimento da água congelada. Caminhar em seu interior exige muita cautela e preparo, afinal, a qualquer momento, as formações de gelo podem rachar e se quebrar.

Desejamos uma excelente segunda-feira à todos! Ótimo começo de semana, amigos!

Boa viagem 🙂

Fonte: Mundo Curioso

O post 9 CAVERNAS INCRÍVEIS QUE NÃO PARECEM SER DESTE MUNDO apareceu primeiro em Blog do sr. SIAPE.

De popular à selvagem: as seções mais incríveis da Muralha da China

A Muralha da China

A Muralha da China, uma das sete maravilhas do mundo, começou a ser construídas em 220 a.C., mas foi finalizada apenas no século 16. Durante tantos anos, a estrutura acumulou segredos e pontos incríveis, que só os corajosos dispostos a encarar o trajeto têm a sorte de conhecer. Escolhi as seções mais legais ao longo dos oito mil quilômetros de extensão da construção. Preparado? A caminhada é longa!

Jinshanling, a mais popular

Muralha

Apesar de ser o ponto mais popular entre os turistas estrangeiros. Jinshanling é mais calmo que Badaling, o favorito entre os locais. A seção com cerca de dez quilômetros traz passagens montanhosas de tirar o fôlego, que podem ser admiradas nas 67 torres de observação ao longo do trajeto. Depois da viagem de carro de Pequim, que dura cerca de 2 a 3 horas, a excursão toma o dia inteiro.

Jiankou, a mais selvagem

Muralha

Amada pelos aventureiros, Jiankou até hoje não passou por intervenções na sua estrutura. Por este motivo, a parte é considerada perigosa e é indicada para pessoas com mais experiência em hiking. Provavelmente a seção mais selvagem da construção, ela guarda séculos de história em suas subidas íngremes e alvenaria desgastada. Vai arriscar? Não esqueça o seguro de viagem!

Gubeikou, a mais histórica

Muralha

Gubeikou é uma das seções da Muralha que mais guarda história. Palco de mais de 130 batalhas contra invasores mongóis, é também selvagem e pouco restaurada. Ter um guia local e experiente é importante para ajudar tanto na caminhada, quanto nas aulas de história, que dão a magia ao local.

Simatai, a mais tranquila

Muralha

Ponto mais sereno e tranquilo da Muralha, Simatai possui cinco quilômetros de extensão de uma beleza ao mesmo tempo preservada e “arruinada”. Aos mais preguiçosos, existe um teleférico para a torre de observação, e, aos mais corajosos, uma emocionante tirolesa na descida. Para os que preferem caminhar, o trajeto é desafiador, mais seguro que Jiankou e Gubeikou. Simatai também é a única seção que oferece tours noturnos.

Huanghuacheng, a mais diferente

Muralha

Conhecida como a “Grande Muralha da Água”, Huanghuacheng é considerada a seção aquática da construção; Graças a um reservatório. seu caminho é formado por lagos. Mas não é a única surpresa desse ponto. Seu nome significa “Fortaleza da Flor Amarela”, porque, durante a primavera (março, abril, maio), a paisagem fica cercada por flores silvestres amarelas.

Incrível, não é mesmo? Qual dessas seções você ficou mais curioso para conhecer?

Desejamos um excelente final de semana à todos!

Boa viagem 🙂

Fonte: Uol Viagem

O post De popular à selvagem: as seções mais incríveis da Muralha da China apareceu primeiro em Blog do sr. SIAPE.

Servidores se organizam contra ideia do governo de adiar reajuste para 2020

Confederação dos Trabalhadores no Serviço Público Federal promete “reagir” caso o governo leve adiante a medida, que, segundo o Planalto, economizaria R$ 5 bilhões

Representantes dos servidores públicos federais dizem que estão dispostos a reagir caso o governo adie para 2020 o reajuste salarial da categoria. O aumento está previsto para o ano que vem, mas o governo considera postergar a medida, com o argumento de que ela é necessária para evitar a paralisação da máquina.

“Eu acho que estão tentando gerar frases de impacto para continuar com a mesma cantilena de que o servidor público gera despesas”, afirma Sérgio Ronaldo da Silva, diretor da Confederação dos Trabalhadores no Serviço Público Federal (Condsef), que classifica a medida como “negativa” e afirma que, se o governo tentar adiar o reajuste novamente, haverá reação por parte dos representantes do setor.

Segundo o governo, o deficit previsto para 2019 é de R$ 254,3 bilhões. No último sábado, os ministros da área econômica Esteves Colnago (Planejamento) e Eduardo Guardia (Fazenda) confirmaram que a medida está em estudo e que, com a postergação do aumento, a expectativa é de economia de cerca de R$ 5 bilhões. De acordo com Guardia, a decisão será tomada somente em agosto, quando o governo encaminhará ao Congresso o Orçamento do próximo ano.

Para o presidente do Sindireta-DF, Ibrahim Yusef, a medida é “precipitada”, já que haverá uma eleição e um novo governo a partir de janeiro. “Não sabemos como vai ser a política salarial. Se vai ser de arrocho ou não.” Ele defende que a categoria mostre aos agentes políticos a real necessidade de uma política de reajuste salarial, “inclusive para repercutir na economia”, disse. Na opinião de Yusef, os aumentos salarias colocam a economia para girar e ajudam a reaquecê-la. “Se está havendo recessão, o governo tem que achar uma forma de reaquecer a economia. Eu acredito que eles estejam na contramão de tirar o país do atoleiro”, afirmou.

A última tentativa do governo de adiar o reajuste dos servidores esbarrou no Supremo Tribunal Federal (STF). Por meio de uma liminar, concedida pelo ministro Ricardo Lewandowski, a medida provisória (MP), editada no fim do ano passado, que postergava o aumento de 2018 para 2019, foi suspensa. A MP perdeu a validade no início de abril sem ser votada pelo Congresso ou analisada pelo pleno do STF. O ministro da Fazenda avalia que, mesmo com uma rejeição da medida pelo Congresso atual, o cenário do próximo ano deve mudar e existe a possibilidade de que o novo presidente aprove a proposta.

Obrigado por acessar nosso Blog!

Fonte: Correio Braziliense

O post Servidores se organizam contra ideia do governo de adiar reajuste para 2020 apareceu primeiro em Blog do sr. SIAPE.

Governo diz que terá de adiar reajuste de servidores para fechar as contas em 2019

Aumento de até 6,31% para 23 categorias de servidores previsto para o ano que vem terá impacto de R$ 5 bilhões no Orçamento e, segundo ministro do Planejamento, postergação será necessária para evitar paralisação da máquina pública

Para tentar impedir a paralisação da máquina administrativa e dos investimentos públicos no ano que vem, o governo vai ter de postergar para 2020 o reajuste dos servidores públicos previsto para 2019. Com isso, cerca de 370 mil servidores de 23 categorias, como professores, militares, auditores da Receita e peritos do INSS, ficariam com os salários congelados. A expectativa, segundo o ministro do Planejamento, Esteves Colnago, é que essa postergação gere uma economia de cerca de R$ 5 bilhões.

A medida seria necessária porque o reajuste escalonado negociado pelo governo em 2016, época de inflação mais alta, está em descompasso com a realidade de agora. Mesmo com o IPCA rodando abaixo dos 3% ao ano, o reajuste previsto para 2019 é de até 6,31%. O porcentual garante ganho real do poder de compra dos servidores às custas de outros gastos que precisarão ser cortados para que o teto de gastos (regra que limita o crescimento das despesas à variação da inflação) não estoure.

O governo já havia tentado adiar, via medida provisória, o reajuste dos servidores de 2018 para 2019, mas enfrentou fortes resistências dos parlamentares. A MP acabou sendo suspensa no apagar das luzes de 2017 pelo Supremo Tribunal Federal, por meio de uma liminar, e perdeu validade no início de abril. Agora, a avaliação do ministro é que, mesmo se a nova medida for rejeitada pelo Congresso atual, o ambiente será melhor no ano que vem, dando capacidade ao novo presidente para aprovar a proposta.

“Poderia ser projeto de lei ou medida provisória. Seria a mesma tentativa que a gente fez agora, mas talvez num outro cenário, com presidente eleito”, disse Colnago. O ministro reconheceu que a proposta enfrentará a resistência dos servidores públicos, mas ressaltou que ela é necessária para garantir espaço para os investimentos dentro do teto de gastos.

Essa é uma das medidas que são necessárias porque o governo precisa abrir espaço para aumentar as despesas discricionárias, aquelas sobre as quais tem margem de controle, incluindo obras e outros investimentos, no Orçamento do ano que vem. O cenário de paralisação na máquina pública está no radar porque o espaço que a equipe econômica tem para gastar livremente em 2019 será menor que o necessário para manter os serviços à população.

O presidente do Fórum Nacional Permanente de Carreiras Típicas de Estado (Fonacate), Rudinei Marques, disse, porém, que os servidores públicos têm sido “surpreendidos por medidas unilaterais da administração” e pediu diálogo com o governo. “Se vierem mais medidas arbitrárias, só temos uma resposta, que é trabalhar contra”, afirmou.

Fonte: Estadão

Obrigado por acessar!

O post Governo diz que terá de adiar reajuste de servidores para fechar as contas em 2019 apareceu primeiro em Blog do sr. SIAPE.

17 provas de que o estado do Alagoas é o Caribe brasileiro

Pode acreditar: todas essas fotos são de praias do Alagoas! Parece o Caribe, só que todo mundo fala português sem ostentação, mas com muito maçunim.

Um dos passeios inesquecíveis de Alagoas é mergulhar nas Galés de Maragogi, ao norte do Estado. Há quem faça um bate e volta de Maceió ou de Recife, mas a cidade, repleta de belíssimas praias, merece uma visita mais prolongada.

A praia Antunes, perfeita para crianças

Alagoas

Além das galés, Maragogi tem praias exuberantes, de água morna e cristalina – como a Praia Antunes. São perfeitas para crianças, pois quase não há ondas e o mar é muito raso na maré baixa.

#ultib3-15401991375ae72554d52f5 {
min-height:50px;
}
#ultib3-15401991375ae72554d52f5 img.ultb3-img {
height: px;
}
#ultib3-15401991375ae72554d52f5 .ultb3-btn {
border:2px solid #f8f96e;border-radius:50px;color:#ffffff;
}
#ultib3-15401991375ae72554d52f5 .ultb3-btn:hover {
background:#f8f96e;color:#06353c;
}

Praia Japaratinga, que tem agito na medida certa

Alagoas

Pertinho de Maragogi, Japaratinga tem um centrinho agitado, com bares, restaurantes e lojas de artesanato, e praias como a da foto: repletas de coqueirais e com o mar de cor inesquecível.

A idílica Praia do Patacho, com esse mar de cor impressionante

Uma das maiores estrelas de Alagoas é a praia do Patacho. Apesar de ser de fácil acesso, ela é quase deserta. Da praia, você vê um mar verde-água. E quando você está dentro da água, ela está totalmente transparente. A areia do fundo do mar é tão plana que é possível caminhar quilômetros para longe da costa quando a maré está baixa.

A Praia de Lage, perfeita para caminhadas contemplativas

Alagoas

Fica em Porto de Pedras, perto de São Miguel dos Milagres, é uma das mais desertas do litoral norte de Alagoas. Apesar de não ter tantas piscinas naturais como as suas vizinhas, a praia Lage é repleta de coqueiros, e por isso mesmo, ótima para caminhadas contemplativas.

#ultib3-16891676105ae72554d5a32 {
min-height:50px;
}
#ultib3-16891676105ae72554d5a32 img.ultb3-img {
height: px;
}
#ultib3-16891676105ae72554d5a32 .ultb3-btn {
border:2px solid #f8f96e;border-radius:50px;color:#ffffff;
}
#ultib3-16891676105ae72554d5a32 .ultb3-btn:hover {
background:#f8f96e;color:#06353c;
}

A praia “rasinha” de Porto da Rua

Alagoas

Uma das características do litoral alagoano são as praias rasas, que “secam” na maré baixa. Porto da Rua, praia de São Miguel dos Milagres, é assim. É possível acompanhar a maré subindo e aquele mar de cor verde-água tomando conta do horizonte, aos poucos, enquanto o dia acontece.

A Praia do Toque, que tem a maior piscina natural da região

Alagoas

Outra estrela de São Miguel dos Milagres, a Praia do Toque tem uma das maiores piscinas naturais da região – e por isso, é possível enxergar, mesmo sem snorkel, várias espécies diferentes de peixes e outros animais marinhos passeando entre suas pernas.

A simplicidade caribenha de São Miguel dos Milagres

Alagoas

Com suas praias quase desertas e suas vilas de pescadores, São Miguel dos Milagres é como um Caribe low profile, muito mais simplicidade e muito menos ostentação. Ali não tem resorts, não tem piscinas com bordas infinitas e não tem luxo. Mas tudo bem. Aliás, tudo ótimo. Um lugar lindão desses não precisa de extras – e fica muito mais acessível para quem não quer torrar um dinheirão de lua de mel numa viagem.

#ultib3-2721705365ae72554d6109 {
min-height:50px;
}
#ultib3-2721705365ae72554d6109 img.ultb3-img {
height: px;
}
#ultib3-2721705365ae72554d6109 .ultb3-btn {
border:2px solid #f8f96e;border-radius:50px;color:#ffffff;
}
#ultib3-2721705365ae72554d6109 .ultb3-btn:hover {
background:#f8f96e;color:#06353c;
}

A cor da areia da praia de Carro Quebrado

É em Barra de Santo Antônio, cidadezinha perto de Maceió, que fica uma das mais belas praias de Alagoas: a de Carro Quebrado, indefectível com suas falésias formadas por areias multicoloridas. Fique ligado: na maré alta, o mar encobre a pequena faixa de areia. Evite ir nestes horários.

Os corais coloridos da Praia de Paripueira

Alagoas

É na praia de Paripueira que começam os bancos de corais que chegam até Recife, no Pernambuco. Essa característica faz da praia uma das mais tranquilas de Alagoas – a barreira protege os banhistas das ondas fortes.

A imensidão deserta da Praia Ipioca

Alagoas

A Praia de Ipioca fica a 24 quilômetros do centro de Maceió. Tão perto que é possível pegar um ônibus de linha na capital alagoana e descer na praia de Ipioca. Enorme – e por isso mesmo quase desértica, – essa praia tem o mar tão esverdeado que fica quase impossível resistir a um banho. Para quem curte nadar no balanço calmo das ondas, a praia é ideal.

A orla urbana da belíssima Ponta Verde

Alagoas

A orla urbana de Maceió não deixa a desejar: uma das três praias mais conhecidas da cidade, Ponta Verde, é também uma das mais movimentadas: é aqui que estão duas das melhores barracas da capital, a Lopana e a Kanoa.

#ultib3-13523762095ae72554d694f {
min-height:50px;
}
#ultib3-13523762095ae72554d694f img.ultb3-img {
height: px;
}
#ultib3-13523762095ae72554d694f .ultb3-btn {
border:2px solid #f8f96e;border-radius:50px;color:#ffffff;
}
#ultib3-13523762095ae72554d694f .ultb3-btn:hover {
background:#f8f96e;color:#06353c;
}

As jangadas da Praia de Pajuçara, em Maceió

Alagoas

Quase todas as praias de Alagoas têm jangadas para passeios nas piscinas naturais. Mas um dos pontos mais famosos é o da Praia Pajuçara, na orla urbana de Maceió. Ali estão os maiores hotéis da cidade, e galpões enormes que exibem o artesanato produzido no Estado.

O Alagoas tem praias bonitas de norte a sul

Alagoas

No trecho mais ao sul do litoral alagoano, o povoado de Barra Nova, às margens da Lagoa Manguaba, é repleto de restaurantes e bares rústicos, ideais para saborear caldos de maçunim e sururu, dois mariscos encontrados em abundância na região.

A Praia do Francês, a queridinha dos alagoanos

Alagoas

Ao sul de Maceió, a estrela da cidade de Marechal Deodoro é a Praia do Francês. A água é transparente e o mar agrada a todos: tanto quem curte uma calmaria quanto surfistas a fim de pegar boas ondas.

Olha essa vista da Praia do Gunga!

Alagoas

A mais famosa de Barra de São Miguel, ao sul de Alagoas, a praia do Gunga tem um cenário perfeito, desses de Caribe: a lagoa do Roteiro, as falésias com paredões coloridos e um imenso coqueiral logo atrás da faixa de areia.

#ultib3-18555962895ae72554d721a {
min-height:50px;
}
#ultib3-18555962895ae72554d721a img.ultb3-img {
height: px;
}
#ultib3-18555962895ae72554d721a .ultb3-btn {
border:2px solid #f8f96e;border-radius:50px;color:#ffffff;
}
#ultib3-18555962895ae72554d721a .ultb3-btn:hover {
background:#f8f96e;color:#06353c;
}

As tartarugas desovam na praia do Peba

Alagoas

No extremo sul do litoral alagoano, a praia do Peba fica em Piaçabuçu, em uma área de proteção ambiental – o que a torna ainda mais especial: ali é lugar de desova de tartarugas marinhas. As dunas dominam a paisagem por 22 quilômetros, até a foz do Rio São Francisco. Para chegar lá, é preciso contratar um bugue autorizado no Pontal do Peba.

Desejamos um excelente dia à todos!

Boa viagem 🙂

Fonte: Viagem e Turismo Abril

O post 17 provas de que o estado do Alagoas é o Caribe brasileiro apareceu primeiro em Blog do sr. SIAPE.

Brasil ganha novos voos internacionais

Mais viagens, mais voos

Os brasileiros voltaram a viajar mais para fora e incentivaram as companhias áreas internacionais a aumentar as rotas e os números de assentos para destinos no exterior. Com mais voos liberados, podemos conhecer mais lugares! Aproveitem!

Segundo dados da Associação Internacional de Transporte Aéreo, as empresas latino-americanas do setor tiveram aumento de tráfego de 9,3% em 2017, a maior taxa desde 2011. A alta da procura é atribuída à melhora da economia dos países. O alto custo das viagens domésticas na América Latina também influenciam.

Investimento internacional

Entre as companhias internacionais que anunciam investimentos, a Air France KLM, empresa resultante da fusão das companhias aéreas francesa e holandesa, planeja ter o maior número de rotas já operadas em sua história no mercado brasileiro.

O grupo, que reduziu as frequências de voos nos últimos dois anos, prevê 44 viagens semanais para 2018, um aumento de 26% em relação ao que oferta hoje (35).

Em novembro, a empresa havia anunciado voos de Fortaleza para Paris e Amsterdã, a partir de uma parceria com a Gol. Além de aumentar a frequência dessas rotas para cinco por semanas, as opções serão ampliadas também para viagens nas capitais do Rio de Janeiro e São Paulo. A frequência da rota Amsterdã-Rio de Janeiro passou a ser diária também em novembro.

Aproveite os preços

Não, você não precisa descartar seus planos de fazer uma grande viagem. Mesmo com a grana está curta. Lembre que o mundo é maior que os destinos mais óbvios!

Com planejamento, é possível organizar o orçamento para viajar sem passar sufoco.

Para alguns países, vale mais a pena adquirir um pacote de viagem com operadora em vez de comprar toda a viagem por conta própria. Alguns destinos exigem um investimento maior na passagem, mas o custo diário mais baixo compensa.

Agora não tem mais desculpa! Aproveite e marque sua viagem!

Acesse agora mesmo o portal de viagem mais completo do Brasil: www.suaviagemnoclick.com.br

Aproveitamos para desejar um excelente sábado à todos! Obrigado por acessarem nosso Blog!

Boa viagem! 😉

Fonte: Folha de SP

O post Brasil ganha novos voos internacionais apareceu primeiro em Blog do sr. SIAPE.

Fotos de fábricas de chocolate para visitar no Brasil

O chocolate pelo Brasil

Conheça os lugares fantásticos onde são fabricadas essas delícias! O cheirinho de chocolate pode ser sentido de longe!!! Humm…

São seis opções em Gramado (RS), Caçapava (SP), Nova Friburgo (RJ) e Vila Velha (ES)

Planalto – Gramado, Rio Grande do Sul

Chocolate

A passarela percorre todos os setores da fabricação, da produção do chocolate à embalagem. Uma nova loja foi aberta no Centro da cidade com uma mini fábrica, onde parte do processo pode ser acompanhada.

R. João Carniel, 689, tel. (54) 3286-1701, entrada grátis.

Florybal – Gramado, Rio Grande do Sul

Uma cascata de chocolate de 200 quilos na entrada da fábrica é o início do corredor por onde os visitantes passam e observam, atrás dos vidros, os chocolates sendo feitos.

Av. das Hortênsias, 5436, 54/3286-2284, grátis.

Nestlé, Caçapava, São Paulo

O Tour Nestlé Chocolover, de mais de 1 quilômetro, mostra o ciclo de produção do chocolate desde a floresta cacaueira até o produto final. Os visitantes não têm acesso às máquinas durante o passeio de uma hora e meia, mas podem observar, pelas janelas, a produção dos chocolates Alpino, Prestígio, Chokito, Charge, Suflair, Nestlé Classic, Galak e Crunch.

Av. Henry Nestlé, 1800, ingresso R$ 10 (dinheiro), mais informações no site.

Queijaria Suíça – Nova Friburgo, Teresópolis, Rio de Janeiro

Toda artesanal, a produção tem somente uma máquina, que tempera o chocolate. A chocolataria é pequena, tem apenas três funcionários, e os produtos são vendidos na loja ao lado da fábrica. Dica: para degustar o doce, marque a visita com antecedência.

RJ-130 p/ Teresópolis, km 49, 22,5 km, tel. (22) 2529-4000.

Garoto – Vila Velha, Espírito Santo

O Chocotour Garoto dura uma hora e meia e recebe cerca de 300 mil pessoas por ano. “Chocodutos” se estendem por 6 quilômetros dentro da fábrica e, enquanto as informações sobre a fabricação dos bombons são apresentadas, há paradas para degustação. O processo é bem tecnológico: é possível ver máquinas que embalam até 1.250 unidades por minuto. Para fazer o trajeto na área industrial, é preciso trajar calça comprida, blusa de manga e calçar tênis.

Praça Meyerfreund, nº 1, Glória, tel. (27) 3320-1708 / 1709, e-mail: programa.visitas@garoto.com.br.

Prawer – Gramado, Rio Grande do Sul

Para entrar na área de produção, é preciso colocar uma touca nos cabelos. O chocolate é visto de perto, e a visita é curta: dura, em média, dez minutos. Dá para acompanhar o trabalho dos artesãos (sim, tudo é feito à mão!), que agora decoram a iguaria com desenhos para a Páscoa. Ao final, há degustação de chocolatinhos de menta, laranja e morango.

Av. das Hortênsias, 4100, tel (54) 3286-1580, entrada grátis.

Destinos de dar água na boca, não é mesmo? 🙂

Desejamos um excelente final de semana à todos!

Boa viagem! 🙂

Fonte: Viagem e Turismo

O post Fotos de fábricas de chocolate para visitar no Brasil apareceu primeiro em Blog do sr. SIAPE.

Show de criações! Descubra as construções mais inusitadas do mundo

As construções mais inusitadas no mundo

Quem imaginou morar na casa do Bob Esponja? Ou trabalhar em um prédio no formato de uma cesta de piquenique? Em vários países, a criatividade e a imaginação de arquitetos e engenheiros resultaram em algumas construções fora dos padrões. Esses edifícios chamam a atenção de quem passa por ali e levam consigo uma história diferente e interessante sobre sua criação.

Na Europa e nos Estados Unidos, há inúmeros exemplos de ousadia em construções que, ao longo dos anos, se transformaram em obras de arte e marcaram períodos distintos na história da arquitetura mundial. Um dos exemplos é a Casa Batló (leia matéria na página 12), do arquiteto catalão Antoni Gaudí, em Barcelona, na Espanha. Em meio a tantos prédios belos e imponentes das cidades, o diferente ganha destaque especial. O inusitado, o belo e o ousado se unem para deixar verdadeiros monumentos históricos. O Turismo destaca algumas dessas criações.

Basket Building – Ohio, Estados Unidos

Construções

Nos Estados Unidos, um edifício foi construído em forma de cesta. Essa é a reprodução da cesta Longaberger e foi feita para ser a sede da empresa. Ela tem 180 mil metros quadrados e foi erguida em 1977 a pedido do dono da companhia, Dave Longaberger, e custou cerca de 32 milhões de dólares. Desde meados de julho de 2016, o prédio estava vazio, pois a sede da empresa mudou para outro lugar. Somente em janeiro deste ano o “Big Basket”, como o prédio é chamado, foi vendido.

Palácio das Bolhas – Cannes, França

Construções

A aparência futurística e o luxo existente no Palácio das Bolhas foi o que chamou a atenção do seu proprietário, o estilista francês Pierre Cardin. Além da forma incomum, os números da construção francesa também impressionam. São mais de 8.500m² de área externa e 1.200m² internos, o que inclui 10 suítes assinadas por artistas renomados e um espaço para eventos com capacidade para 350 pessoas. Além disso, a piscina de borda infinita com vista para a baía de Cannes é outro show à parte.

Casa Caracol – Sofia, Bulgária

Construções

Como a natureza programou, os caracóis levam suas casas nas costas. Na Bulgária, o caracol se tornou a própria casa. Uma das construções mais curiosas da Europa está em Sofia, no bairro Simeonov. Sua construção demorou 10 anos e foi finalizada em 2009. Por dentro, possui cinco andares e o arquiteto responsável pela obra afirmou que não existem tijolos, paredes retas, cantos ou bordas. Devido às suas cores e ao formato, esse edifício se tornou um dos mais famosos e procurados na capital búlgara.

House Attack – Viena, Áustria

Construções

A casa que ataca! É assim que é conhecido o maior museu de arte da Áustria. O MMK (Museum fur Moderne Kunst – Museu de Arte Moderna) deixa seus visitantes curiosos para entender o porquê de uma casa no alto da construção. A House Attack é a primeira obra de arte da instituição, instalada do lado de fora do prédio. A artista Erwin Wurm é a responsável pela criação desse diferente e divertido trabalho. Quem visita o museu encontrará vários estilos artísticos, como surrealismo, modernismo, classicismo, futurismo em diversas formas de arte.

Low Impact Woodland – País de Gales, Reino Unido

Construções

Um casal inglês disposto a largar tudo e viver como os hobbits construiu uma casa que caiu no gosto dos internautas. A construção, que mais parece uma caverna, foi totalmente feita por ele com materiais provenientes da natureza, como madeira, argila e pedra da terra. Em seu site, o casal afirma que a preocupação foi preservar ao máximo o meio ambiente, mas, ao mesmo tempo, manter o conforto que uma casa deve oferecer. O sucesso foi tamanho que eles criaram, anos mais tarde, uma ecovila sustentável e outras famílias aderiram ao estilo de vida dos ingleses.

Urban Planning Exhibition Hall- Huainan, China

Construções

O Urban Planning Exhibition Hall foi feito para os amantes da música clássica. Numa pequena cidade da China, o edifício ficou conhecido internacionalmente por ser formado por um piano e um violino. Nele, funciona uma escola de música e são realizados concertos e festivais. Do lado de fora, ele rende muitas fotos para os turistas que o visitam. Construído em 2007, ganhou, no ano passado, uma grande comemoração para celebrar os 10 anos da obra.

Shoe House – Pensilvânia, Estados Unidos

Construções

O Coronel Mahlon N. Haines construiu seu império vendendo sapatos e nada mais justo que, aos 73 anos, quando se aposentou, construísse sua casa no formato de um. Com 25 pés de comprimento (o equivalente a 7,9 m e 48 pés de altura (14,6 m), ela possui uma estrutura simples feita de madeira, arame e cimento, além de vitrais ornamentados de sapato. O anfitrião não foi egoísta com seu monumento, ele abre as portas para casais passarem as férias, idosos visitarem e crianças se divertirem. A casa se tornou um ponto turístico da cidade.

The Floating Seahorse – Dubai

Construções

Que Dubai é uma referência em arquitetura e tecnologia em todo o mundo, é possível saber em uma rápida olhada. Os arquitetos, porém, se superaram, agora existem casas dentro da água. Muito luxo e requinte foram colocados em 42 casas espalhadas pela ilha. O sucesso foi tanto que, em oito meses, todas as unidades foram vendidas. As construções possuem três andares, de tal modo que o subsolo, onde é a suíte, fica totalmente submersa. A empresa lançou o projeto em outros lugares do mundo, como São Petersburgo, na Rússia.

Casa do Bob Esponja – Punta Cana

O quão divertido deve ser ficar hospedado na casa do amarelinho mais famoso do mundo? A criançada que visita o resort do Nickelodeon, em Punta Cana, pode relatar essa sensação. O espaço foi construído e decorado para reproduzir a casa do Bob Esponja e o ambiente dos seus amigos. Logo na entrada, um abacaxi gigante recepciona os hóspedes. A procura é alta, por isso, quem quiser se hospedar nesse pequeno mundo dos desenhos animados precisa planejar com muita antecedência.

Essas construções são realmente incríveis! Tudo muito diferente e feito para a diversão dos turistas!

Desejamos um dia maravilhoso à todos!

Boa quinta-feira e boa viagem 🙂

Fonte: Correio Brasiliense

O post Show de criações! Descubra as construções mais inusitadas do mundo apareceu primeiro em Blog do sr. SIAPE.

Funcionalismo: Carreirão não terá reajuste em 2019

Cerca de 80% do funcionalismo não devem ter correção salarial no próximo ano. Projeto da LDO prevê apenas os aumentos acertados com os “sangues azuis”, integrantes de carreiras de Estado, como auditores da Receita e funcionários do Banco Central
Os servidores das carreiras do Plano Geral de Cargos do Poder Executivo (PGPE) e a carreira da Previdência, Saúde e Trabalho (PST), planos especiais, entre outros, que compõem o chamado “carreirão”, ficarão sem reajuste salarial em 2019. De acordo com o Ministério do Planejamento, não está previsto aumento no próximo ano.

O Projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias (PLDO) de 2019, enviado ontem ao Congresso Nacional, prevê reajustes apenas para a elite do funcionalismo do Executivo – as carreiras de Estado, cujos integrantes foram chamados de “sangues azuis” por membros do governo da ex-presidente Dilma Rousseff. Entre os agraciados estão auditores da Receita Federal, funcionários do Banco Central e da Comissão de Valores Mobiliários (CVM) e analistas do Tesouro Nacional.

As duas categorias do funcionalismo que podem ficar sem reajuste em 2019 obtiveram correções salariais em plena recessão, quando parte expressiva dos brasileiros perdia seus empregos. Em 2015, na gestão Dilma, os representantes sindicais do carreirão e de funcionários de agências reguladoras acertaram um aumento de 10,8% em duas parcelas: uma em agosto de 2016 e outra em janeiro de 2017.

Já o acordo firmado com os servidores das carreiras de Estado ocorreu em 2016, durante o governo de Michel Temer e garantiu um reajuste de 27,9%, escalonado em quatro anos até 2019. Esse grupo é composto por 253 mil servidores ativos e inativos do funcionalismo civil, com rendimentos bem acima da maioria. Os funcionários do carreirão representam 80% dos 1,2 milhão de funcionários e ganham até R$ 7 mil no fim de carreira.

Para o ano que vem, de acordo com Planejamento, o reajuste dos servidores das carreiras de Estado ficará entre 4,5% e 6,3%, taxas acima da inflação de 3,6% prevista no PLDO. Isso garantirá ganho real nos contracheques desse pessoal, enquanto a maioria dos trabalhadores do setor privado mal consegue repor a defasagem do custo de vida nas negociações com os empregadores. A correção das carreiras de Estado neste ano ficou entre 4,75% e 6,65%, também acima da inflação de 2017, que ficou perto de 3%.

Preocupação

Os salários, ao lado dos benefícios previdenciários, são os itens que mais têm pesado nas contas públicas, que estão no vermelho desde 2014. O reajuste dos 253 mil servidores das carreiras de Estado terá peso relevante no aumento previsto de R$ 19,4 bilhões nas despesas com pessoal em 2019, que atingirão R$ 322 bilhões, segundo o PLDO.

Os gastos com a folha devem crescer 6,2%, taxa acima da inflação projetada e do aumento da receita líquida, que não deverá passar de 4,9%, de acordo com as estimativas do governo. “A conta não fecha, o que é preocupante, porque o governo tem cada vez menos espaço para cortes de gastos. Se as autoridades não fizerem nada para conter esses aumentos, assim como reduzir os benefícios fiscais, mais cedo ou mais tarde será necessário começar a demitir pessoal”, alertou a economista Selene Peres Nunes, uma das autoras da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF).

O governo tentou, por meio de uma medida provisória, adiar os aumentos, mas não teve sucesso. Uma liminar do ministro Ricardo Lewandowski, do Supremo Tribunal Federal (STF) acabou mantendo a correção dos salários neste ano. Os reajustes vêm sendo pagos por força dessa liminar e a situação jurídica está a cargo da Advocacia-Geral da União (AGU). Ao que tudo indica, o governo desistiu de recorrer contra a decisão de Lewandowski. Na segunda-feira, o ministro da Fazenda, Eduardo Guardia, receberá em seu gabinete a ministra-chefe da AGU, Grace Mendonça, e o assunto, provavelmente, estará na pauta do encontro.

Diante da insatisfação por ficarem à margem dos reajustes neste ano e no próximo, os servidores do “carreirão” farão assembleia-geral entre 4 e 6 de maio com o objetivo de discutir as estratégias para recompor as perdas – e não descartam greve. “Não vamos levar essa mercadoria de graça para casa”, destacou Sérgio Ronaldo da Silva, coordenador-geral da Confederação Nacional dos Trabalhadores no Serviço Público Federal (Condsef).

As categorias associadas à Condsef prometem muita pressão sobre o governo e o Congresso para conseguir, de imediato, reposição inflacionária de 25,63%, referente ao período de 2010 a 2018. “Faremos mobilizações ou paralisação de atividades em todo o país. Não vamos permitir que um mesmo patrão trate iguais de forma diferente”, reforçou Silva, acrescentando que, nos últimos dois anos, o “carreirão” foi “desprezado pelo governo”.

A movimentação preocupa técnicos do governo, que já apresentaram um quadro nada animador para as contas públicas no PLDO de 2019, com uma meta fiscal de deficit de R$ 139 bilhões. Segundo eles, a fatura líquida para igualar o “carreirão” à elite do funcionalismo é de, no mínimo R$ 13,3 bilhões, podendo ultrapassar os R$ 16 bilhões.

MP que atrasa aumentos caduca

Os servidores públicos federais podem respirar aliviados. A Medida Provisória 805/2017 que postergava os reajustes salariais de janeiro de 2018 para 2019 e elevava a contribuição previdenciária do funcionalismo de 11% para 14% – suspensa por liminar do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Ricardo Levandowski – caducou em 8 de abril. Com a extinção da MP, o governo deixa de economizar R$ 7,5 bilhões. Para especialistas, o governo não lutou como deveria pela aprovação da medida. Ao atender à Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI) ajuizada pelo PSol e suspender a MP, Lewandowski determinou que a questão fosse analisada pelo plenário da Corte, o que não ocorreu até a medida caducar.

Fonte: Correio Braziliense – Por Rosana Hessel e Vera Batista

Obrigado por acessar!

O post Funcionalismo: Carreirão não terá reajuste em 2019 apareceu primeiro em Blog do sr. SIAPE.

7 Maravilhas Naturais para conhecer na América do Sul

América do Sul: Destinos maravilhosos e próximos

Fuja para cachoeiras, geleiras com cor de marfim e praias intocadas em todo nosso continente selvagem. Os 17,8 milhões de km² da América do Sul escondem geleiras, cachoeiras épicas e diversas paisagens. Tanto no deserto, quanto na selva!

Resumimos sete destes incríveis recursos naturais na América do Sul que você não pode perder:

LENÇÓIS MARANHENSES, BRASIL

Sul

Como lençóis de areia branca, as dunas se estendem até o horizonte. Entre os meses de janeiro a junho, fortes chuvas e rochedos impermeáveis conspiram para acabar com a monotonia, criando piscinas de cor azul-esverdeada entre os montes e revivendo peixes da espécie lobo marinho que estavam dormentes. A paisagem desolada no norte do estado do Maranhão fica na parte interna do Atlântico e foi declarada Parque Nacional em 1981.

GELEIRA CINZA DE TORRES DEL PAINE, CHILE

Sul

Uma das várias pontas nos Terrenos Gelados do sul dentro do remoto Parque Nacional Torres del Paine, a Geleira Cinza se estende por quase 20 km em uma paisagem de montanhas da Patagônia. Sua parte dianteira, cheia de montanhas em miniatura com neve e de ponta azul, fica de frente para o Lago Cinza. Ali, os pedaços de gelo flutuam silenciosamente como pedaços de céu caído, evidência sombria da retração acelerada da poderosa geleira. Faça um passeio de barco ou de caiaque até o seu extremo mais alto ou caminhe pelo perímetro do lago para vistas panorâmicas incríveis.

CATARATAS ÁNGEL, VENEZUELA

Sul

Em um canto remoto do país, o rio Churun flui a 792 metros da borda da Auyan-tepui para formar as Cataratas Ángel. Quase 19 vezes mais alta que as de Niágara, é a cachoeira ininterrupta mais alta do mundo. Ao contrário de outras cascatas grandes que fazem um grande barulho quando atingem o chão, os cursos de água da Angel Falls se dissipam em uma fina névoa, lançando arco-íris coloridos ao longo de sua enorme queda vertical. O rio recomeça na base da montanha e continua pela selva até o campo Canaima, o ponto de partida para a maioria das excursões para as quedas.

AVENIDA DOS VULCÕES, EQUADOR

Sul

À saída de Quito, a Avenida dos Vulcões contém sete picos que cobrem 5,1 km de altura. Veja a totalidade da forma cônica perfeita do famoso Cotopaxi das encostas reflorestadas com pinhos e ciprestes do vulcão Rumiñahui (tem altura de 4,7 km), ou navegue pelo terreno selvagem passando por alpacas em direção ao sul ao longo da Rodovia Pan-americana.

PRAIA VERMELHA, PERU

Sul

Na desolada Reserva Natural de Paracas, onde o deserto subtropical encontra a costa sul do Peru, as águas azul-esverdeadas do Pacífico Sul colidem com a Praia Vermelha. Este conjunto de cores que se complementa foi possibilitado por eras de ondas próximas a grande Punta Santa Maria, transformando suas rochas de granodiorita rosa em areia. E, graças à Corrente de Humboldt, que coloca água rica em nutrientes ao longo da costa, a costa colorida é também um viveiro de orcas, tubarões, peixes, lontras, leões marinhos e cerca de 225 espécies de aves migratórias.

ISLA DEL SOL, BOLÍVIA

Sul

A ensolarada ilha impressiona com praias de areia branca e penhascos rochosos que podem ser confundidos com o Mediterrâneo, se não fosse pelas vistas distantes da montanha nevada. Enquanto a maioria das costas das ilhas está no nível do mar, a Isla del Sol não é uma ilha comum. Sua costa está a 3,8 km do nível do mar na parte sul do antigo Lago Titicaca. Lago este, formado há cerca de três milhões de anos. A beleza da ilha tem sido um segredo aberto por séculos; na parte interna existem ruínas incas em várias partes da Ilha.

RESERVA NATURAL DE BROWNSBERG, SURINAME

Sul

Uma profusão de cores espreita na Reserva Natural de Brownsberg. Por lá, mais de 1,5 mil espécies de plantas cobrem as encostas de um alto planalto. Escondida em um dos países menos visitados do continente, você vai compartilhar a floresta guineense selvagem com saki barbados e macacos, tucanos e centenas de outros pássaros coloridos, bem como os estranhos agoutis de pele vermelha.

São 7 paraísos! Lugares que, com toda certeza, ficarão em sua memória para sempre!

null

Gostou dos destinos?
Então confira agora mesmo
as ofertas exclusivas pra você!

saiba mais

#ultib3-19745645715ae725550a6ea {
min-height:50px;
}
#ultib3-19745645715ae725550a6ea img.ultb3-img {
height: px;
}
#ultib3-19745645715ae725550a6ea .ultb3-btn {
border:2px solid #d83200;border-radius:50px;color:#ffffff;
}
#ultib3-19745645715ae725550a6ea .ultb3-btn:hover {
background:#d83200;color:#ffffff;
}

Acesse agora mesmo o site do nosso patrocinador oficial Sua Viagem no Click e monte seu pacote! São inúmeras opções para você realizar a viagem dos sonhos!

Desejamos um excelente dia à todos!

Boa viagem 😉

Fonte: National Geographic Brasil

O post 7 Maravilhas Naturais para conhecer na América do Sul apareceu primeiro em Blog do sr. SIAPE.